terça-feira, 20 de abril de 2010

POR AÍ...

"Se alguém perguntar por mim,
Diz que fui por aí..."



Vou fazer uma pequena viagem, com minha fiel companheira...
Testar meus limites, retomar os prazeres da vida, buscar o novo de novo.
Tentar olhar a cidade dos meus amores com um novo olhar,
Porque eu mudei, a dor me mudou,
As constatações, a cada dia, são novas.
Só a dor continua presente...
Porque a dor é uma constante
Mas Eu não sou a dor!
Sou mais!

5 comentários:

Luzia disse...

Boa viagem amada !!!
Você sempre viajou muito.
Deve estar sentindo falta.
Vá com DEUS e divirta-se.
Adorei as novas postagens no seu blog.
Adoro tudo o que você escreve.
Um Feliz feriado !!!
Beijos

Jacinta Dantas disse...

Ei Kátia,
não vou comentar, apenas deixo aqui uns versos do Dauri, que acho que combina com seu grito.


O QUE DÓI

Quando qualquer coisa assim dói
e não se sabe onde,
nem no corpo é,
tampouco no outro lado dele
que se diz alma,
é no fim do dia que dói,
pois que o dia é parte da gente
é o membro que não se sente,
mas dói.(Dauri Batisti)

Bjs

Cecília disse...

Boa viagem! Apreoveita, porque você é mais, nós somos mais e nunca podemos deixar abater, a dor é algo que muitas vezes temos qe aprender a conviver, suportar e superar, sem deixar de sentir...

Beijão!!
Seja muito feliz sempre!!!

VANUZA PANTALEÃO disse...

Enfim, Katinha descobriu que não é a dor...
VOCÊ É O AMOR!
Viaje, procure novos ares, minha amiga...mas se for a Buenos Aires, rsrs, foi só uma rima...
Deus te guie!!!Bjsss

VANUZA PANTALEÃO disse...

Eu tava torcendo por essa virada em sua vida e ela veio. E veio porque você é inteligente, e é gente (olha a rima), GENTE!!!
Domingo legal aí, menina!!!